Todos os Direitos Reservados

Este site é protegido pela Lei dos Direitos Autorais (Lei nº 9610) e toda e qualquer reprodução, parcial ou total, de um texto de minha autoria sem autorização está terminantemente proibida! Portanto, usem suas próprias cabeças para escrever no seu site, ok?! Ou sejam humildes e peçam autorização. Obrigada

quarta-feira, 30 de novembro de 2011

Cães mimados

Muitos podem pensar que cão mimado é aquele que dorme dentro de casa, come a melhor comida, tem brinquedos, usa roupas, convive próximo ao dono. Não há nada de errado em nenhuma dessas situações! O cão pode ter uma vida confortável sim, sem ser nada mimado.

Então, o que caracteriza um cão mimado?

Cão mimado é aquele que não foi educado desde filhote; aquele que é tratado como um humano verticalmente reduzido e peludo; aquele que não aceita que o dono mexa em seu prato de comida e/ou que retire um brinquedo/osso dele. Cão mimado é aquele que treina o dono, e não o contrário - late para chamar atenção, porque quer comer, porque quer sair (e a lista continua) e o dono atende à sua demanda; aquele que cutuca o dono porque quer qualquer coisa, e o dono acata sua ordem.

Um cão é mimado quando você lhe dá algo sem ele ter feito nada em troca e, também, quando você permite que ele faça determinado comportamento, e até ache graça dele, e depois se arrependa. Familiar? No primeiro caso: ah, que lindo da mamãe, deixa dar um biscoitinho pra você, só porque eu te amo muito! No segundo: que lindo, tão pequenininho e já me defendendo. Meses depois... estou preocupada, ele ataca todos que chegam perto de mim!

Então, o que fazer? Quero dar o melhor para meu cão, mas não quero que ele seja mimado! Não é difícil: basta que ele receba tudo o que quer depois de fazer algo que nós queiramos. Quando usamos o programa “Nothing In life Is Free (NILIF)” ou “Nada na vida é de graça”, ensinamos ao cão que ele precisa fazer algo que queiramos (como sentar, deitar etc) para ganhar algo que ele queira (passear, comer, carinho etc). Não é nenhum bicho de sete cabeças: a grande maioria dos cães aprende a sentar em poucas lições. E, depois de um comando aprendido, aprender outros acaba se tornando mais fácil, pois ele já tem o hábito de aprender algo novo.

Quando o cão entender que para ele ganhar qualquer coisa precisa sentar, é só uma questão de você esperar ele oferecer este comportamento. Não peça para ele sentar, simplesmente espere que ele o faça. E ele o fará, acredite!

Ao fazermos isso, ensinamos nossos cães a controlar seu comportamento: eles acabam fazendo um bom comportamento sem que precisemos falar-lhes toda hora. E não se esqueça: sentar não precisa ser o único comportamento desejado. Seja criativo! Quanto mais seu cão souber, mais a vida dele será rica, mais fácil ele aprenderá novos comandos e mais fortes serão os laços que unem você a ele.

6 comentários:

Taa L disse...

Oie flor tudo bem?
Vim te convidar a conhecer a nova página do meu blog e se curtir, participar do sorteio de natal da fronha da imaginarium :)

beijos ;*

Karine Lima disse...

Adorei o texto. Ficou bem clara a ideia de cães mimados, bem explicado. Eu também acredito que cães não são mimados por terem alimentação de qualidade, conforto e muito amor. São mimados aqueles que fazem tudo o que querem... E esse é um sinal de que a Sofia não é mimado, pois não faz o que quer, e sim o que eu quero que ela faça. Minha cachorra não é tão bem educada quanto a Suzie, mas também não faz algumas loucuras que certos cachorros fazem.

Bjs

Karine Lima disse...

Oi Fúlvia, você sabe se ainda está disponível em livrarias (que também vendam pela internet) algum dos livros sobre a raça Whippet? Pode ser qualquer um dos livros, é que eu sou simplesmente apaixonada pela raça (ainda não tenho um exemplar, mas um dia terei...com certeza), sei tudo o que a internet diz e o que os donos de Whippets lá da Confraria dos Galgos falam em seus depoimentos, mas gostaria muito de ler algum livro.

Desde já, obrigada pela informação.
Bjs

moninha disse...

É assim mesmo, tenho um schnauzer de 5 meses, estou ensinando ele assim, Ele já pega a bolinha, traz e solta. Até meu filho de 6 anos já dá os comandos. Enquanto comemos ele e a outra cadela (pitbull) ficam tranquilamente no mesmo ambiente, quando acabamos eles sentam e esperam algum petisco. Nem preciso mais mandar eles sentarem, e eles também já sabem que só recebem após a nossa refeição, o que evita aquele efeito "cachorro pidão"... Como o schnauzer ainda é novo e a outra cadela, apesar de já ter 4 anos de idade, foi adotada após ser resgatada de maus tratos, então ela ainda está aprendendo os primeiros comandos juntamente com o filhote.
Essa ideia de aproveitar os momentos de brincadeira para ensinar algo é fantástico, os cães aprendem e se sentem satisfeitos.
Recompensamos o bom comportamento com brincadeiras e dedicação, não precisando de tantos petiscos!

Iara Baldi disse...

Musicas para cães:http://musicapracachorro.blogspot.com.br/2013/06/blog-post.html?spref=fb

Marli Ferreira disse...

Olá tenho um pincher e estou preocupada sem saber oq fazer,o veterinário disse que ele tem manha,barda por ser mimado,mas ele grita de dor com espasmos no pescoço..ele chegou a ficar internado,fez exames e nada apresentou,o veterinário me falou pra ficar tranqüila que isso é simplesmente por ele ser mimado.oque eu faço,não sei como lidar com essa situação,vejo que meu cachorrinho está sofrendo e não posso fazer nada.